Alter do Chão – Do Cavalo e não só!

Alter do Chão – Do Cavalo e não só!

Alter do Chão é uma pequena vila alentejana situada no distrito de Portalegre, Alto Alentejo.  Esta localidade tem diversos pontos de interesse a mostrar a quem por lá passa, sendo claramente o seu ex-líbris a Coudelaria de Alter. Terra de diversos encantos e gente bastante simpática e acolhedora. Um dia passado em Alter do Chão promete ser um dia bem passado e memorável. A associação desta vila ao cavalo lusitano é impossível não acontecer, assim como a visita à mais antiga coudelaria portuguesa.

Alter do Chão

O inicio da Coudelaria de Alter, data do ano de 1748. De trabalho notável e interrupto, a Coudelaria protagonizou diversos episódios históricos de altos e baixos. Instalada na Tapada do Arneiro, por vontade de D. João V, arrancam os trabalhos de estruturação da mesma. Chegado por volta do ano de 1770, a coudelaria atinge o seu auge que viria posteriormente a entrar em declínios variados por conta de vários episódios históricos. Por volta do ano de 1942, aquando a integração da coudelaria no Ministério da Economia, arrancam os esforços de recuperação do cavalo Alter-Real. Estes esforços terminam com uma coroação de sucesso com o inicio de uma nova fase na vida da Coudelaria de Alter em 1996. Hoje em dia o trabalho resultante de quase 3 séculos é um cavalo reconhecido em todo o mundo com aptidão para o desporto e artes. Assim para não perder pitada da história desta aventura é inevitável a visita a este local emblemático. Desde a visita às instalações ao efetivo da manada, tudo merece a atenção de quem visita Alter do Chão. Para saber mais acerca da história da Coudelaria de Alter ou planear e agendar a tua visita acede a www.alterreal.pt.

O Património

No entanto muito mais é possível descobrir em Alter do Chão. Como terra histórica que é, são muitos os locais que nos transportam para os tempos antigos. Caso disso é o Castelo de Alter, de vestígios ocupacionais da época pré-romana. Referido várias vezes em relatos da nossa história nacional, este castelo sofreu diversas remodelações, chegando aos dias de hoje tal como foi reconstruído por volta do ano de 1357, pela vontade de D. Pedro I. Além deste, existe ainda o Castelo de Alter Pedroso, este em ruínas. Destruído aquando a Guerra da Restauração por as tropas espanholas. Aconselhamos ainda a visita ao Convento de Santo António e à lindíssima Casa do Álamo.

Conhecer alentejo

Mas não fica por aqui todo o valor patrimonial arquitetónico de Alter do Chão. Ali bem perto podemos visitar a Villa Romana Casa de Medusa, núcleo arqueológico de interesse público, onde podemos constatar o seu mosaico figurativo datado do século IV. É também impossível não irmos visitar a Ponte de Vila Formosa. Bem pertinho de Alter do Chão, trata-se de uma das pontes romanas mais bem conservadas nos dias de hoje, sendo ainda utilizada para a circulação automóvel.

De que estás à espera para vir conhecer esta bela vila do Alentejo que é Alter do Chão? O Alentejo tem cor, cheiro e sabor…

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Inline
Inline